QUEM AMA, CUIDA

 
 
Criada nos Estados Unidos em 1990, a Campanha ‘‘Outubro Rosa’’ que busca conscientizar sobre a prevenção ao Câncer de Mama, foi adotada pelo Ministério da Saúde a partir de 2010. Desde então, milhares de mulheres mudaram a postura diante de um problema de saúde pública.
Parte dos homens também mudou, mas ainda precisamos fazer mais. ‘‘Não é porque temos um índice baixíssimo de diagnóstico de câncer de mama masculino, cerca de 1%, que podemos nos isentar de responsabilidade’’, pondera o deputado federal Eli Corrêa Filho.

 

 
Francislene Corrêa, esposa do deputado, reforça a importância de estar um passo à frente da doença. ‘‘O câncer de mama é mais comum entre as mulheres, mas ambos os sexos devem fazer exames periódicos. Grande parte dessas vítimas tem a doença diagnosticada já em estágio avançado, ou seja, a prevenção é fundamental. Mesmo com a rotina agitada é preciso separar um tem-pinho para se cuidar’’, conclui.
 
Para Eli, é preciso vencer o que ainda parece ser tabu e cada um fazer a sua parte no incentivo ao auto-exame de modo que a prevenção ajude a preservar a vida. ‘‘Se queremos ter nossas mães, esposas, filhas, primas, tias, avós, amigas vivendo por mais tempo e melhor, temos de encarar o problema, não fugir dele’’, argumenta.
____________
Clique no link <http://bit.ly/1W5VpZ6> e responda ao questionário que vai ajudar o deputado Eli Corrêa Filho a ter informações importantes da fonte mais confiável: você.