Emendas de Eli Corrêa Filho socorrem GM de Guarulhos

A crise econômica nacional continua passando como um trator em todas as esferas da gestão pública, além de todos os danos que estão sendo sentidos pela iniciativa privada, e mais importante, pelo trabalhador brasileiro. Todos os dias a população é bombardeada com as notícias de demissões, forte pressão da inflação, aumento do índice de desemprego.
 
Este é um ambiente que impacta diretamente na administração da cidade. Por isso, a Prefeitura de Guarulhos adotou medidas que causaram muitas críticas, mas que, pelo contexto, por mais que se possa divergir, foram necessárias.
Uma destas ações difíceis foi o corte de 40,7% no orçamento da Secretaria de Segurança Pública. Em 2014, o secretário municipal João Dárcio dispunha de R$ 63,9 milhões. Agora em 2015, a pasta passou a contar com R$ 37,8 milhões. Para driblar o momento difícil e continuar oferecendo um serviço de qualidade para a população, o gestor busca manter parcerias e buscar recursos externos.
 
Parceria
“Se a Prefeitura encontra dificuldades, não podemos nos acomodar. Precisamos ir em busca de ajuda”, explica Dárcio. “É aqui que entra a parceria fundamental do deputado federal Eli Corrêa Filho”, argumenta.
Reconhecido por não se limitar a questões partidárias, o democrata apresentou emendas parlamentares que totalizam um milhão e quatrocentos mil reais específicos para a gestão da segurança pública de Guarulhos. “Como parlamentar não posso fechar os olhos para as demandas que estão sempre sendo apresentadas pela população, prefeitos, vereadores, secretários municipais”, afirma o deputado Eli. 
 

O secretário elogia a habilidade política do deputado em legislar em favor de uma prefeitura que não é administrada pelo seu partido. “Para nós, isso foi de fundamental importância. É a primeira vez na história da Segurança Pública de Guarulhos, que um deputado federal destina uma emenda parlamentar específica para a Guarda Municipal”, ressalta. “As diferenças entre partidos não podem ficar acima dos interesses da população”, justifica Eli.
 
 
Aumento da frota
A emenda do deputado Eli Corrêa, apresentada em 2013, no valor de R$ 1 milhão de reais com contrapartida municipal de R$ 80 mil, está viabilizando o aumento da frota própria da Guarda Civil Municipal (GCM). Após dois anos de muita negociação com o Ministério da Justiça, finalmente o recurso foi disponibilizado para a Prefeitura. 
 
“Quando foi depositado o dinheiro na conta da Prefeitura, a gente pode começar o processo interno administrativo. Ou seja, formalizar o edital de licitação, colocar o edital na praça para efetivar a compra dos materiais”, detalha o secretário.
Com este recurso, até o final deste ano a GCM vai saltar de 40 para 81 veículos próprios. O secretário João Dárcio explica que a cidade vai passar a contar com mais dois veículos de pequeno porte (SUV), cinco viaturas de grande porte (Hilux SW4), dez motos e 24 bicicletas.
 
Mais recursos
Outra emenda no valor de R$ 400 mil (contrapartida municipal de R$ 32 mil), apresentada pelo deputado Eli Corrêa em 2014, vai permitir a compra de “móveis e utensílios para reaparelhar todas as nossas bases, inclusive armários em aço para o GCM poder guardar o seu material pessoal”.
 
O deputado Eli Corrêa refuta um pensamento corrente em Brasília de que cidades como Guarulhos é rica e não precisa de recursos. “É muito bom ver o comprometimento de gestores como o João Dárcio que tem qualificação para a função que exerce e, mais importante, ama o que faz. Se dedica com afinco à Guarda Municipal que, dentro da sua gestão se tornou uma referência em segurança pública”, conclui.